Dalva Agne Lynch (Sarah)

Site oficial

Textos



Como o vento



É como o vento
Suave nas campinas
Destruindo tudo em fúria
Sem diferença.
É como a chuva
Caindo sobre o bom e o mau
O justo e o injusto
Dizem que sem preferências.
Sorte? Azar?
Riqueza ou pobreza
Saúde ou doença
Amor ou desprezo
Alegria ou tristeza
São como o vento e a chuva.
Atos divinos
Caindo sem diferença
Sem distinção de pessoa.



 
Dalva Agne Lynch
Enviado por Dalva Agne Lynch em 02/01/2018
Alterado em 02/01/2018
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras
Endereço da autora na REBRA