Dalva Agne Lynch (Sarah)

Site oficial

Textos


English version after the one in Portuguese



A Invenção da Palestina

 
 

Este é o verbete da Enciclopaedia de 1911 para a palavra PALESTINA:
 
“PALESTINA, um nome geográfico de aplicação bem ampla. Etimologicamente, requer-se a rigor que esse nome signifique, com exclusividade, a estreita faixa de terra litorânea ocupada no passado pelos filistinos, do qual o nome se deriva. Ela é, contudo, utilizada convencionalmente como o nome dado ao território que, no Antigo Testamento, foi reivindicado como a herança dos Hebreus pré-exílicos; assim, pode-se dizer que denota geralmente a terceira parte sulina da província da Síria. Exceto ao oeste, onde o território está delimitado pelo mar Mediterrâneo, os limites deste território não pode ser estabelecido em um mapa como sendo uma fronteira definida. As subdivisões modernas sob a jurisdição do Império Otomano de modo algum coincidem com as da Antiguidade, e portanto não permitem uma fronteira através da qual se possa separar com exatidão a Palestina do resto da Síria ao norte, ou dos desertos do Sinai e da Arábia ao sul e leste; tampouco os registros de fronteiras antigas são suficientemente completos e definidos para que se possa fazer uma demarcação completa do território. Até mesmo a convenção acima referida é inexata: ela inclui o território filistino, reivindicado mas nunca estabelecido pelos hebreus, e exclui as partes periféricas da extensa região mencionadas em Números 24 como sendo posse dos hebreus (ou seja, “do Rio do Egito” atpe “Hamath”).”
http://markhumphry.com/palestine.invented
 
Até 24 de julho de 1922, a região hoje chamada de Israel e Jordão fazia parte do Grande Império Britânico, quando a Liga das Nações delineou o que passou a se chamar, a partir de então, MANDATO BRITÂNICO DA PALESTINA. No ano seguinte, isso ratificado pelo Tratado de Lausanne. Em 29 de novembro de 1947, a Nações Unidas o confirmou. No total, o Mandato da Palestina foi um território administrado pela Grã Bretanha por 35 anos.
 

 
Dia 14 de maio de 1948, as Nações Unidas proclamaram o Estado de Israel.

 

 
 


English Version:
 
 
The Invention of Palestine

 
 
 

This is the entry for the word PALESTINE em the 1911 Encyclopaedia notes:
 


http://markhumphry.com/palestine.invented
 
The region known today as Israel and Jordan belonged to Great British Empire until July 4, 1947, when the League of Nation outlined what became known as the BRITISH MANDATE OF PALESTINE. On the following year this was confirmed by the Treaty of Lausagne. In November 29. The Mandate of Palestine was thus administrated by the British Empire for roughly 35 years.
 

 
On May 14, 1947, the United Nations proclaimed the State of Israel.
 





 
Dalva Agne Lynch
Enviado por Dalva Agne Lynch em 01/11/2016
Alterado em 01/11/2016
Copyright © 2016. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras
Endereço da autora na REBRA