Dalva Agne Lynch (Sarah)

Site oficial

Textos


English text after the one in Portuguese


- COMO DEVE SER UMA VERDADEIRA MULHER
Marcial Salaverry


* COMO DEVE SER UM VERDADEIRO HOMEM -
Sarah D.A. Lynch





- Vamos analisar com isenção de ânimo como deve ser uma mulher. Como deve ser e agir uma verdadeira mulher. Analisemo-la à luz das necessidades de um homem que saiba dar o devido valor a uma mulher. Sem preconceitos machistas ou feministas, apenas realistas.

* E analisemos também como deve ser um homem. Como deve ser e agir um verdadeiro homem, para que a mulher, que é responsiva, possa desenvolver toda sua capacidade de ser - desde a primeira infância, com o pai, aos seus anos de sabedoria, na terceira idade. Sem preconceitos feministas ou machistas, apenas supra-realista - porque, perante a ingente tarefa de ser responsável pelo que cria, o homem precisa, antes de mais nada, ver no espelho o rosto de uma criança - e jamais esquecer essa visão. Dentro dele, das necessidades que reconhece em si como um ser dependente dos demais, está o segredo dele ser um Homem - e ser um agente de construção na vida daquilo que lhe é mais descartável na vida adulta: a família.

- Ela deverá ser forte. Poderosa. Ao mesmo tempo, suave e delicada. E elas sabem ser. Quando querem.

* Ele deverá ser forte. Poderoso. Não na conquista de corpos, mas na conquista de si mesmo. De sua força dependem crianças e mulheres. De seu poder depende o crescimento de empresas e nações. Isto fará com que ele seja, ao mesmo tempo, suave e delicado - porque é impossível ser forte e poderoso sem suavidade - ou a força se transforma em domínio, e o poder em poderio.

- Comparativamente falando, podemos dizer que ela deverá ter a força e o calor do sol para aquecer o dia do homem, e ao mesmo tempo, deverá ter a suavidade da lua, das estrelas, para iluminar o amor, e permitir o repouso após o embate amoroso.

* Ele deverá ter a força e o calor do sol, que alimenta e aquece o solo - a mulher - de onde crescem as plantas - as crianças. A natureza inteira depende do sol. Mas se ele é inclemente, a vida desaparece do solo, e as plantas fenecem. Ele deverá ter a suavidade da lua e das estrelas, para embelezar e iluminar a longa noite da espera - esperando que um bebê cresça, um adolescente amadureça, o tempo do pós-parto chegue ao fim, que da menopausa renasça aquela que ele amou - sem que saia em rampagem, procurando corpos que o façam esquecer os problemas. E precisa, sobretudo, depois do amor, aprender que o corpo que lhe deu prazer também precisa de repouso - o repouso da segurança de braços a seu redor.

- Deverá ser amena e benfazeja como a brisa que acaricia nosso corpo durante o dia. Contudo, em certas ocasiões deverá ter a fúria da tempestade, mostrando toda a força de seu amor.

* Deverá ser ameno e benfazejo como a brisa - porque nem todos os corpos que acariciam são sensuais e belos. Alguns são os corpos delicados dos filhos de seu poder. A mulher nunca será apenas um corpo - ela é a matrix de onde sai a humanidade. Contudo, o homem deverá ter, em certas ocasiões, a fúria das tempestades, mostrando a força de seu amor não na força do desejo, mas quando precisa defender os seus da força de destruição que este mesmo desejo pode causar, ao se voltar para outros corpos, abandonando as frágeis plantas de seus filhos nas mãos trêmulas da mulher abandonada, usada, descartada.

- Deverá saber se impor com suavidade. Fazer prevalecer sua vontade, fazendo com o que homem pense que é ele quem comanda. Essa impressão de domínio masculino é importante para que a mulher prevaleça. Não deve se apequenar, submeter-se, mas deixar essa impressão.

* Deverá saber se impor com suavidade, mas apenas quando movido por sabedoria. Fazer prevalecer sua vontade, mas apenas quando ela não se resume à vontade egoísta da posse, mas à vontade superior do homem que conhece a Verdade. Ele não deve exigir ser o que comanda, mas sim o que dirige e guia. Sua concepção de "domínio" deve ser a de um deus que cria e faz florescer, não de um déspota que tem em sua mão poder de vida e morte - e o usa. E deve ser capaz de se submeter - porque amor é, acima de tudo, ceder parte de si mesmo a outrem.

- Embora ele ostente o poder, em seu íntimo sabe a grande companheira que tem. E saberá escuta-la em seus momentos de duvida.

* Embora a mulher seja a que verdadeiramente retém o poder, já que é o solo, em seu íntimo ela saberá que o solo nada é sem o Sol, e saberá escutá-lo em seus momentos de fraqueza e dúvida.

- Deverá ter a doçura de uma fruta madura, sem esquecer que por vezes a fruta pode ter um travo amargo mas devemos saber o momento de aproveitar a doçura, ou de entender os problemas que ela pode estar passando.

* Deverá ter a doçura de uma fruta madura, porque precisa alimentar os espíritos daqueles que estão de olhos voltados para ele, esperando nutrição, cuidado, segurança. Jamais deve tirar seu fruto dos que dele dependem, para dar a quem mais lhe agrada. Um novo corpo de mulher não deve cegá-lo a seu dever de homem e de pai - que é a configuração máxima do homem.

- Deverá ser terna e suave como as pétalas das flores, mas sempre lembrando que flores também tem espinhos, e que devem ser tratadas com cuidado e carinho para não ferir as mãos de quem as toca sem a devida atenção.

* Deverá ser suave, terno e paciente como o jardineiro, lembrando sempre que flores também têm espinhos, e que precisam ser cuidadas, as ervas daninhas arrancadas sem misericórdia, para que possam lhe proporcionar a beleza e perfume que ele tanto almeja. E deve saber que flores machucam sem saber, porque é de sua natureza ter espinhos.

- Deverá ter a alegria encontrada no chilrear das avezinhas quando o dia começa. Sempre é bom amanhecer com alegria, mas devemos fazer nossa parte, a alegria, a felicidade, exigem reciprocidade.

* Deverá ter a alegria dos pássaros, que cantam apesar das tempestades - e reconstróem seus ninhos depois do vendaval, sem abandonar os delicados ovos ao próprio destino, enquanto procura paragens mais amenas para si mesmo. Ele deve cantar na manhã o renascimento de todas as coisas, para que tudo ao seu redor se ilumine, sem esperar que façam por ele o que lhe é divina tarefa:
nutrir e dar força.


- Podemos compara-las com os riachos que serpenteiam serra abaixo, acariciando as pedras que encontra, mas por vezes as leva de roldão. Devemos saber receber as carícias, sem enfrenta-las com resistência, pois poderemos ser simplesmente deixados para trás.

+ Podemos compará-los aos rios impetuosos, que desabam montanha abaixo, produzindo a energia que move a engrenagem da vida. Deve receber carícias sem impaciência, sem preferir a carícia da mão sensual de um novo corpo, às mãozinhas sujas de sorvete que se lhe enroscam ao pescoço, e à mão já não tão nova que lhe suaviza a fronte cansada. NÃO DEVE JAMAIS DEIXAR PARA TRÁS AS MÃOS QUE DEPENDEM DELE PARA VIVER, apenas porque sente que merece mais.

- Fala-se da fragilidade feminina. Que elas precisam sempre de nosso amparo e proteção. Sempre será uma falsa impressão.

* A fragilidade feminina está em que a mulher nao carrega apenas a si mesma, mas aos filhos. E ELA PRECISA DE AMPARO E PROTEÇÃO, porque o homem foi criado UNO - homem/mulher. O corpo da mulher É mais fraco. Não é uma falsa impressão. A mãe carregando um bebê NAO PODE carregar uma metralhadora ao mesmo tempo. QUEM DEFENDERÁ MÃE E FILHO?


- Na realidade, quando parecem estar sendo amparadas, são elas que nos dão o real apoio, fazendo-nos pensar que somos os mais fortes.


* Na realidade, quando estão sendo amparadas, elas estão amparando toda a humanidade adormecida em seus braços. São elas as que dão o real apoio, porque preservam a vida.

- Isso na realidade, é o que nos faz ficar fortes.

* Isto, na realidade, é o que faz o homem ficar forte.

- Não é à toa que existe aquele provérbio Por trás de todo grande homem, sempre existe uma mulher. Permito-me acrescentar, “muito cansada.”

* Absolutamente nada a acrescentar a essa verdade.

- Na verdade, elas tem a coragem das leoas, não esquecendo que são as leoas que enfrentam os maiores perigos, e vão à caça para alimentar os leões. Assim são as mulheres que realmente merecem ser chamadas de mulheres.

* Na verdade, o homem não deve jamais buscar nos animais desculpas para seu comportamento. Foi devido a isto que ele, vendo os animais como macho e fêmea, dividiu sua unidade. Deixou de ser deus para ser besta. Desde então, é a sua contrapartida feminina que precisa manter a unidade, porque o homem se esqueceu do que verdadeiramente é, ou seja: que a humanidade leva seu nome.

- Não hesitam em acompanhar e apoiar seus homens na grande aventura da vida.

* Não deveriam jamais abandonar suas mulheres e filhos para buscar grandes aventuras na vida - a grande aventura do Universo é o crescer das plantas no solo, o rugir das tempestades, a explosões do vulcão.

- Não hesitam em abandonar seus lares e famílias para estar ao lado de seus eleitos, quando isso for necessário.

* JAMAIS abandonam seus lares e famílias para ficar ao lado de um novo corpo, por mais que a nova vida lhe pareça melhor. A FAMÍLIA É A OBRA MAIOR DE UM HOMEM E DE UMA MULHER - e ai daquele ou daquela que destrói tal obra - receberá sobre si três vezes três sobre si e sobre seus descendentes a desgraça que causou.

- O homem foi educado para desbravar o mundo, e a mulher existe para que isso seja possível.

* O homem e a mulher foram criados para desbravar o mundo, não importa o que a educação de um mundo relapso ensina. E a mulher não pode cumprir sua parte sem que o homem esteja ao seu lado, por causa dos filhos.

- A história nos apresenta milhares de exemplos de mulheres que foram o sustentáculo de grandes lideres mundiais.

* A Arte nos apresenta milhares de exemplos de homens e mulheres que criaram para superar a destruição que o egoísmo de um pai causou em seus espíritos em crescimento. Abandonados na vida, enquanto a mãe ganhava-lhes o sustento, e o pai, desaparecido, perseguia amores e conquistas... E todas as desgraças de líderes sub-humanos foram frutos de uma sociedade de homens relapsos, que falharam quando a luta ficou dura demais, dando origem à prostituição e endurecimento das filhas, o desejo de domínio e poder de seus filhos, a bebida, as drogas, o roubo, a mentira, o engodo.

- Sem falar que muitas não apareceram, por preferir trabalhar à sombra. Mas tenham a certeza de que existiram.

* Ao invés de querer ser o que "aparece", o homem deve ser o que torna possível a outros se tornarem grandes - apoiando os filhos e a mulher quando estes mostram sinais de serem grandiosos. Ele não deve ter medo de viver à sombra de uma alma maior que a sua.

- Em troca dessa força toda, desse apoio todo, de serem nosso real sustentáculo, apenas pedem em troca, amor, carinho, atenção e, principalmente muito respeito.

* "Em troca dessa força toda, desse apoio todo, de serem o real sustentáculo da família, apenas pedem em troca amor, carinho, atenção e, principalmente, muito respeito."

- Respeito pelo que ela faz, respeito pelo que ela vale, respeito pela sua condição de mulher, e principalmente, respeito pelo respeito, amor e carinho que ela nos devota.

* Respeito pelo seu amor sacrificial, respeito pela sua condição de pilar de segurança, e, principalmente, respeito por ter sido não o sol sobre o deserto, mas o sol sobre a campina.

- Infelizmente muitos não reconhecem esse valor, e apenas vão notar sua falta quando as perderem.

* Infelizmente, a maioria das mulheres são frutos de pais egoístas, e não reconhecem o valor de um verdadeiro homem, e notam sua falta apenas ao fim da vida, quando vêem o que perderam.

- Para as mulheres em geral, e para os homens que lhes sabem dar o devido valor, vai meu abraço especial, e os melhores desejos para UM LINDO DIA.


* Para todos os homens, e para todas as mulheres que os levaram ao colo, meu especial abraço, e desejo de UM LINDO FIM-DE-SEMANA.


English Version:


- How a true woman should be  - Marcial Salaverry

- How a true man should be - Sarah D.A. Lynch


- Let´s analyse with no bias how should a woman be. How should a true woman be and act? Let´s analyse it by the light of a man´s needs - a man who knows how to value a woman. With no male or female prejudice, only being realistic.

* And let´s also analyse how should a true man be. How should a true man be and act so the woman, who´s a responsive being, can develop all her abilities - from her infancy with her father to her years of wisdom at the end of life? Without male of female prejudice, only supra-realistic - because before the enormous task of being responsible for all he creates, man needs first to discover in the mirror the face of a child, and to forever keep this vision. For the secret of his being a man is inside him, in all the needs he can perceive in himself as a creature dependent on others. Only then he can be a constructor of that very thing that he´s in danger of discarding later on in life: his family.

- She should be strong. Powerful. At the same time she should be gentle and kind. And they know how to be that way - when they want it.

* He should be strong. Powerful. Not in the conquest of bodies but in the conquest of himself. Children and women depend on his strength. Business and nations depend on his power. This will make him gentle and kind - because it´s impossibel to be strong and powerfull without gentleness, or strength will become domination and power will become tirany.

- Comparatively speaking, we could say that she should have the sun´s strength and warmth to warm the man´s day, and at the same time should have the moon´s softness to light up love and allow a rest after love´s toil.

* He should have the strength and warmth of the sun who feed and heat the soil - the woman - from which the plants grow: the children. The whole nature depends on the sun. But if he´s inclement life disapears from the grownd and the plants wither. He should have the moon´s and the stars´softness to embelish and illuminate the long waiting nights - waiting for a baby to grow up, a teenager to mature, the post-partum time to finish, the menopause to bring forth the one he loved - without going into rampage seeking for bodies who could make him forget the problems. He needs above all to learn that after love the woman´s body which gave him pleasure also needs rest - the safe rest of arms around her.

- She should be gentle and good like a breeze which caress our bodies during the day. Nevertheless, at certain times she should have the storm´s fury, showing the strength of her love.

* He should be gentle and good like a breeze - because not every body he caresses is sensual and beautiful. Some are the delicate bodies of his power´s children. A woman will never be just a body. She is the matrix where humanity comes from. The man nevertheless should have sometimes the storm´s fury, showing the strength of his love - not in the strength of desire but when it´s time to defend his own against the destruction this same desire may cause when turned towards other bodies as he abandons the frail plants his children are in the trembling hands of his abandoned and discarded wife.

- She should know how to prevail with gentleness. To make her will prevail while the man thinks it´s he who commands. This  perception of male dominance is important to the woman who prevails. She shouldn´t diminish herself, submit, but give the impression she is doing just that.

* He should know how to  impose his will with gentleness - but only when moved by wisdom. To make his will prevail only when it doesn´t mean the selfish will of possession but the superior will of a man who knows the Truth. He shouldn´t  require to be the one in command, but the one who directs and guides. His idea of "dominion" should be the one of a god who creates and makes things blossom and not the one of a despot in whose hands is the power of life and death - and uses it. He should be able to submit - because love is above all to give part of oneself to another.

- Even if he does hold the power, he knows in his heart the great companion he has. And he´ll know how to listen to her when in doubt.

* Even if the woman is the one who truly holds the power - since she´s the ground - she knows in her heart that the ground is nothing without the Sun, and she´ll know how to listen to him in her moments of weakness and doubt.

- She should have a ripe fruit´s sweetness without forgeting that sometimes a fruit can have some bitterness, but we should know when is the time to enjoy the sweetness and when is the time to understand the problems she may be going through.

* He should have a ripe fruit´s sweetness because he must feed the spirit of all those whose eyes are turned to him awaiting nutrition, care, assurance. He should never take away the fruit from those who depend on him to give to someone who pleases him better. A new feminine body shouldn´t blind him to his duty as a man and as a father - which is the highest configuration of man.

- She should be tender and gentle as petals, but always having in mind that flowers have also thorns, and should be treated with care and tenderness so as not to hurt the hands that touches them unawares.

* He should be tender, gentle and patient as a gardener, always having in mind that flowers have also thorns and need to be cared for, freed from weeds so as to give him the beauty and scent he so yearns for. He should also know that flowers hurt without knowledge, for it´s their nature to have thorns.

- She should have a twiting bird´s gladness as the day dawns. It´s always good to wake up with gladnessm byt we should do our part - gladness and happiness require a return.
 

* He should have the gladness of a bird, which sings in spite of the storms and reconstructs its nest after the hurricane without abandoning the delicate eggs to their own fate while searching for more suitable places for himself only. He should sing at dawn the rebirth of all things so as to illuminate everything around him, whithout waiting for someone else to do what is his divine work.

- We can compare them with the streams that run down the hills caressing the stones but sometimes dragging them in their strength. We should know how to receive caresses without comfronting them with resistence, because we could be left behind.

* We can compare them to the impetuous rivers going down the mountain producing the energy that moves the gears of life. He should receive caresses without being impatient and not dismissing the little dirty hands that cling around his neck, or the not-so-new hand that touches his brow, preferring the sensual touch of a new body. HE SHOULD NEVER LEAVE BEHIND THE HANDS THAT DEPEND ON HIM TO LIVE only because he feels he deserves better.

- We hear about the feminine frailty, that women always need our support and protection. This will always be a false impression.

* The woman´s frailty is that she doesn´t carry just herself but also the children. AND SHE NEEDS SUPPORT AND PROTECTION because man was created as ONE: man-woman. The woman´s body IS weaker. It´s not a false impression. The mother who carries a baby CAN´T CARRY ALSO A MACHINE GUN. Who would defend the mother and her son?

- When women look like they are being supported they are in reality giving support, and making us think we are stronger.

* When a woman is being supported she is in reality supporting the whole Humankind asleep in her arms. She is the one who gives real support, because she preserves life.
 

- That´s what make us truly strong.

* That´s what makes man truly strong.

- It´s not by chance that it´s said, "There´s a woman behind every great man". And I add: and a very tired woman.

* There´s nothing to be added to this truth.

- In fact, they have the lioness´ courage. Let´s not forget that it´s the lioness who face the greatest dangers and go hunting for food. And so are the women who really deserve to be called women.

* In fact, man should never look for the animals seeking excuses for his behavior. It was because of this that he divided his oneness, as he saw the animals as male and female. He then stopped being a god to become a beast. Since then it´s his feminine part who needs to keep the unity, because man forgets what he really is: that Mankind carries his name.

- They don´t hesitate on following and supporting their partners in the great adventure of Life.

* They should never abandon their women and children to seek the great adventures of Life - the greatest adventure of the Universe is the growth of plants on the soil, the roaring storms, the volcano´s explosions.
 

- Man was raised to conquer the world, and the woman exists to make this possible.

* Man and woman were created to conquer the world. And the woman can´t do her part without man by her side, because of the children.

- History shows us thousands of examples of women who were the strength of great world leaders.

* Art shows us thousands of examples of men and women who created to overcome the destruction caused by a selfish father, abandoned in life while their mother earned their support, while the father disapeared after loves and conquests. And all the disgraces of sub-human leaders were the fruit of a society of relapsing men, who failed when the fight got too strong, bringing his girls to prostitution and his boys to a hunger for dominion and power, and all the drugs, robbery, lies.

- They don´t hesitate on abandoning their homes and families to be by their chosen one´s side when needed.

* He should NEVER abandon his home and his family to be with a new body no matter how tempting the novelty may be. FAMILY IS MAN AND WOMAN´S GREATEST MASTERPIECE and woe is them who destroy such work. He/she will receive three times three the consequences of it over himself and his descendants.
 
 

- Let´s not forget the ones who prefer to work quietly. But you can be sure they were there!

* Instead of wanting to be the one on the limelight, man should be the one who makes it possible to others to become great, giving support to the children and the wife when they show signs of greatness. He shouldn´t be afraid of  living on the wake of a greater soul than himself.

- Respect for what she does, for how much she´s worth, for being a woman, and specially for her love and gentleness.

* Respetc for his sacrificial love, for his position as a pillar of security, and specially for being not the sun over the desert but the sun over the grassy hills.

- Unfortunatelly many don´t reconize this value and notice its absence only when they´ve lost them.

* Unfortunatelly most women are the fruit of selfish fathers and don´t reconize the value of a real man, noticing their absence only at life´s end, when they discover what they´ve lost.


- To all women, and to the men who know how to appreciate them, here goes a special hug. Have a BEAUTIFUL DAY!

* To all men, and to the women who carried them on their arms, here goes a special hug. HAVE A BEAUTIFUL WEEK!




fig de tubes&scraps

 
Dalva Agne Lynch e Marcial Salaverry
Enviado por Dalva Agne Lynch em 10/07/2007
Alterado em 20/05/2016
Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras
Endereço da autora na REBRA