Dalva Agne Lynch (Sarah)

Site oficial

Textos


INVERNO
(do livro "Nos Jardins Sagrados", Canto I - 2003 - AVBL)





E de repente
descubro-me inverno
o frio rascante fustigando a pele
congelando em mim imagens
ícones de momentos
agora ausentes
de ti.

Abraço-me
na noite sem estrelas
o pensamento fixo em ausência
de estrelas ou calor ou som
ou qualquer ausência
que não a tua
ou o frio.

Mas hoje
descubro-me inverno
e o pensamento se torna inútil
porquanto não te penso.
No inverno que sou
apenas sinto-te
com frio.


 
Dalva Agne Lynch
Enviado por Dalva Agne Lynch em 25/06/2010
Alterado em 26/06/2016
Copyright © 2010. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras
Endereço da autora na REBRA